quarta-feira, 19 de maio de 2010

Diferentemente Igual

É exatamente igual
Na vida é sempre igual
que tudo é diferente
para qualquer um existente

Cada um faz uma coisa
que o outro não faz igual
é tudo tão normal
que eu prefiro que seja vital

É um tal de Tom fazendo Sí
pedindo dó com baixo em Mí
É você, o caminho e o povo
O andar diferente e tudo novo

Sair "por aí" sem rumo
viajar e esquecer do mundo
Lembrar que tudo é natural
E a natureza exatamente igual

~ * Tai Gomes * ~

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Lembranças

Nas curvas fornecidas da minha mente
Você surgiu com um sorriso eloquente
Menino dengoso que me apareceu
Com jeitinho manhoso me envolveu

Viajando pelo mar eu me lembro
De tudo que passamos em setembro
A primavera pertinho de chegar
E eu com imensa vontade de te amar

Eu queria ter te cativado o suficiente
Para te guiar no coração exclusivamente
E você sem medo, segurar a minha mão
desenhando nossa história com vontade e paixão.

E cada estrelinha do céu que me encanta
Enche meu peito de ar e esperança
Que a vida ajeita suas providências
E a cada dia me dá mais experiências

~ * Tai Gomes * ~

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Um bom inventor

"Se nada que eu dissesse
um bom sentido fizesse
eu desistiria de viver
Por debaixo da cortina de luz
Um pingo de chuva eu compus
Para dar vida ao meu fazer

Sem emitir longas pausas
te mostro todas as causas
de um amor desejado
com certeza é tudo o contrário
nada de mentira nem lendário
e torna-se ímpar quando encontrado

Pelo olhar podem sentir rosas
No tocar um leve arrepio
No pensar viagens cabulosas
Na voz uma musica em assobio
Os sentidos afloram dos seres
De quem aceita este desafio

Permita refazer o seu sentido
E viver na vida desse amor
Sinta os prazeres do que é vivido
Aprenda sofrendo com a dor
Vista a vida de felicidade
Não se prive do que é verdade
No seu mundo seja o inventor"


~ * Tai Gomes * ~

sábado, 1 de maio de 2010

Com você

"Entre nós dois não há pecado
tem short, camiseta e calçado
Quando te vejo enlouqueço
Em ausência, choro e entristeço

Ventanias, sonhos e o real
Amor com valia de cristal
Cintura, aflissura e desejo
[As coisas mais lindas do mundo
Amor plantado em um só segundo]
A lua, o sol e um beijo

No meio, no sal, o som
Na chuva, do caus o dom
De amar, voar e viajar
A paz em seus olhos encontrar

Do lado, em cima, em baixo
No espaço, do monte encaixo
[No zoom do amor eu me vejo]
Querer, poder e viver
O fim do fim com você
[Na Lua de Jorge eu padeço.]"


~* Tai Gomes *~